Arquivo

Festa de S. Brás marca início do Carnaval na Nazaré

O costume cristão da subida à capela de S. Bartolomeu, ascendendo os íngremes degraus até alcançar uma das mais belas vistas panorâmicas de toda a região, convive pacificamente com a festa profana. No sopé do monte, milhares de pessoas acampam durante o dia e, em jeito de piquenique, à volta de fogueiras, assam carne e enchidos, regados com boa disposição.

É neste cenário que decorre a festa de arranque do Carnaval da Nazaré, com música, baile e muita gente mascarada.

Durante a tarde, será feita a apresentação oficial dos Reis do Carnaval 2014, Emílio Conde Vasco e Paula Galego.

O Carnaval 2014 da Nazaré tem como mote “É um espegance”

A Romaria de S. Brás
As origens da Romaria de S. Brás, considerada uma das mais genuínas manifestações populares da Nazaré, perdem-se nos tempos e confundem-se com a lenda.
De acordo com a tradição oral, quando Frei Romano e D. Rodrigo, último rei visigodo na Península Ibérica, S. refugiaram na Nazaré trouxeram, para além da imagem de Nossa Senhora da Nazaré, as relíquias de S. Brás e de S. Bartolomeu. A veneração aos dois santos resistiu ao passar dos tempos, e S. S. Bartolomeu deu o nome ao Monte onde S. situa a ermida, S. Brás mantém a sua romaria como uma das mais importantes festas populares de toda a região.

Tolerância de Ponto
O Presidente da Câmara Municipal da Nazaré, Walter Chicharro, determinou, por despacho, a tolerância de ponto na tarde da próxima segunda-feira, 3 de fevereiro, com encerramento de serviços.