Cultura

Forte de S. Miguel Arcanjo reabre em Fevereiro

De portas abertas ao público desde 29 de março, o Forte de S. Miguel Arcanjo encerra a 13 de dezembro, reabrindo a 20 de fevereiro com novos conteúdos e algumas melhorias na área da receção e nos espaços de visita.

Durante este período de fecho ao público, a Câmara Municipal da Nazaré irá realizar algumas intervenções no edifício, como a instalação das novas exposições temporárias e a manutenção das exposições permanentes.

Juntamente com as ondas da Praia do Norte, o Forte de S. Miguel Arcanjo tem sido, no decurso dos últimos dois anos, um forte atrativo para a deslocação de mais turistas e visitantes ao Sítio da Nazaré.

De acordo com a estimativa oficial, 125 mil pessoas visitaram aquele monumento (nos dois meses e meio em que esteve aberto em 2014, e durante os 9 meses deste ano, de 29 março a 13 de dezembro).

Para além dos turistas e visitantes, também várias organizações de grande prestígio mostraram interesse em realizar os seus eventos no local, como a Fundação Calouste Gulbenkian, que trouxe várias ONG’s britânicas, na área do ambiente marinho, para um encontro de trabalho no âmbito de um projeto da iniciativa Gulbenkian oceanos intitulado “Marine ColLABoration”.

Para isso contribui, também, o Centro Interpretativo do Canhão da Nazaré que surgiu de uma parceria entre a Câmara Municipal da Nazaré e o Instituto Hidrográfico em 2015 e que se manterá em 2016.

Muitas figuras mediáticas passaram, igualmente, pelo local, atraídos pela cultura, pela fama das ondas da Praia do Norte ou para acompanharem os Big Riders em ação. O estilista Nuno Gama), o antigo Presidente da República, Mário Soares, o músico Gabriel o Pensador e aquele que é considerado por muitos o melhor surfista de todos os tempos, Kelly Slater, foram algumas das personalidades que passaram no local ou partilharam fotografias, nas suas páginas pessoais nas redes sociais.

A Direção Geral do Património Cultural, entidade que tutela o monumento, já elaborou um projeto de arquitetura que tem como finalidade a reabilitação completa do equipamento num futuro que se pretende próximo.