Política

Lucas Chianca é o vencedor do Nazaré Challenge

O brasileiro Lucas Chianca venceu o Nazaré Challenge, 3ª etapa do mundial de ondas grandes (Big Wave Tour) da World Surf League, que terminou, este domingo, na Praia do Norte. 

Bastante emocionado com a vitória depois de ter concluído uma prova inspiradora, Chianca agradeceu o apoio do público e dos seus mestres, como Carlos Burle, assim como a forma como foi acolhido pela Nazaré.

“A Nazaré é um local muito especial para mim”, disse o atleta.

Billy kemper foi o segundo classificado nesta etapa e também deixou elogios à Praia do Norte. “O local é lindo e o acolhimento foi fantástico”.

Na classificação final da etapa, que se disputou em dois dias devido à falta de condições de mar no primeiro dia do evento, Lucas Chianca ficou em 1º lugar; Billy Kemper em 2º; Natxo González em 3º; Kai Lenny em 4º; Grant Baker 5º e Nathan Florence em 6º lugar.

A organização atribuiu, ainda, o prémio “superação” a João de Macedo, o único português que faz parte do circuito de ondas grandes (os outros quatro compatriotas participaram a convite da organização). O surfista falou em “ondas incríveis” proporcionadas pelo mar da Nazaré neste circuito, e frisou que “a Praia do Norte é um palco extraordinário” para estes eventos de ondas grandes.

A terceira etapa da temporada do circuito mundial de ondas gigantes da World Surf League (WSL), aconteceu pela segunda vez na Nazaré, depois de a primeira competição ter sido disputada a 20 de dezembro de 2016, na Praia do Norte.

"A aposta num evento da WSL na Nazaré sempre foi um objetivo, que concretizámos em dezembro de 2016”, diz Walter Chicharro, Presidente da Câmara Municipal, acrescentando que se tratou de mais um evento potenciador do concelho da Nazaré e da sua economia. Este ano o Nazaré Challenge, encheu o Sítio de gente, de uma forma nunca vista, garantindo seguramente um retorno económico grande”.

O autarca considera que a relação entre a organização da Tour e o Município da Nazaré está cada vez mais sólida e que o evento continuará a realizar-se nos próximos anos no concelho.

“Hoje afirmo, sem problemas, que a WSL está apaixonada pela Nazaré e pela Praia do Norte. A Nazaré tem uma relação forte e bem-sucedida com a World Surf League, e que se manterá por muitos anos”.