Atualidade

Município e APA assinam acordo para desassoreamento da foz do Rio Alcoa

O Município da Nazaré e a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) assinaram um contrato interadministrativo de cooperação para o desassoreamento da embocadura da foz do Rio Alcoa, em terrenos do domínio hídrico, situados na área do Município da Nazaré.

O acordo estabelece a participação de cada uma das entidades na limpeza da foz, que tem como fim a redução dos riscos para pessoas e bens.

A embocadura do Rio é constantemente obstruída com a deposição de sedimentos arrastados pelas águas do mar, estando os efeitos desta ação visíveis nos terrenos a montante, em especial no perímetro hidroagrícola da Cela.

O assoreamento é responsável pela subida do nível freático e salinização da água utilizada na rega das culturas no perímetro de rega, e pela exposição das zonas de menor cota a inundação e perdas materiais (ao nível das culturas agrícolas e nas áreas de pastagem).

O contrato de cooperação foi assinado por Walter Chicharro, em representação do Município da Nazaré, e Pimenta Machado, Vice-presidente do Conselho Diretivo da APA, após uma reunião de trabalho, onde também se falou da aprovação da candidatura submetida pela Agência ao POSEUR para a sustentação das arribas do Sítio da Nazaré (inclui as reivindicações do Município para a reabilitação da arriba sobre o túnel do Ascensor); da candidatura para a reparação do molhe da foz do Rio Alcoa, um investimento 4 milhões de euros (segundo a Agência, o arranque da empreitada estará previsto para meados de 2019); do projeto para a construção de novos acessos à Praia do Norte e do estudo conjunto de soluções de requalificação dos acessos ao Forte e à Praia.