Política

Nazaré elabora projeto estratégico para educação no concelho

O Município da Nazaré vai elaborar um Plano Estratégico para a Educação com o objetivo de ter um instrumento global de planeamento, gestão e avaliação das necessidades do Concelho.

De acordo com a proposta apresentada pelo Vice-Presidente Manuel Sequeira, será constituído um grupo de trabalho para a elaboração do Plano, cuja composição “deverá passar pela inclusão de um elemento da Câmara, Empresa Municipal Nazaré Qualifica, Assembleia Municipal, Ação Social do Município, Agrupamentos de Escolas, Escolas do Concelho, Associações de Pais e Encarregados de Educação, IPSS’s, Ministério da Educação, Instituto Politécnico de Leiria, Universidade Católica de Lisboa e Instituto Emprego e Formação Profissional – Centro Emprego Oeste Norte.”

Estreitar laços entre a escola e a comunidade através da definição de uma política educativa, promovendo o concelho, são também objetivos do projeto.

A Autarquia tem tido um papel ativo no processo educativo, nomeadamente com a criação de condições para a conclusão de estudos nas escolas existentes no seu território (melhoria dos estabelecimentos, apoio à família com manuais e atividades e instalação do ensino secundário público), mas defende que perante o desenvolvimento do nível económico e social, a diminuição escolar, o aumento do desemprego e a emigração deve ser repensada a política educativa, e encontrados os parceiros que planeiem uma área essencial para o desenvolvimento territorial.

A entreajuda e a solidariedade dos vários agentes são apontadas como “aspetos importantes para a evolução” esperada nesta área. 

“A Carta Educativa foi um documento pioneiro. É preciso ponderar a criação de um Gabinete de Animação Pedagógica, que dinamize um projeto de artes, ambiente, teatro, música, astronomia, ciência, multiculturalidade, workshops, segurança, cidadania, língua estrangeira”, e prepare a comunidade educativa para os novos desafios sociais e económicos”.