Saúde

Plano Local de Saúde 2019-2021 foi apresentado no início do mês

O Plano Local de Saúde 2019-2021 apresentado no início deste mês contém as linhas orientadoras para esta área nos concelhos que fazem parte da Região Oeste-Norte. 

Os principais problemas de saúde foram identificados em cada município e as metas para melhorar cada área, através de diversas atividades e estratégias, foram tornadas públicas.

As linhas estratégicas do PLS baseiam-se nos princípios de qualidade e equidade, afetos, saúde sustentável e inovação, e irão desenvolver-se pelas áreas da alimentação, movimento e exercício físico, adições e comportamentos de risco, saúde mental, ambiente e cidadania. 

Controlar o excesso de peso e obesidade infantil na Região Oeste Norte; Promover  o  consumo  equilibrado  de  sal  na  alimentação  da  população; a prática segura de atividade física; o envelhecimento ativo; o consumo responsável de álcool entre os adolescentes; reduzir  o  “tempo  de  ecrã”  entre  os  jovens, promovendo os afetos; melhorar a retenção de educação para a saúde em Saúde Mental nos jovens; apoiar as pessoas com doença psiquiátrica grave; aumentar  a  proporção  de  resíduos  urbanos  triados  para  reciclagem; Atingir melhores níveis de literacia em questões ambientais na população; reduzir as “falsas urgências” nos serviços de urgência hospitalar e promover  as  parcerias  e  a  articulação  em  projetos  de  saúde  entre  as instituições locais e regionais são os objetivos.

O Plano Local de Saúde da Região Oeste – Norte tem como objetivo maximizar os ganhos em saúde na região. Para tal, está prevista a participação da comunidade através do alinhamento em torno de objetivos comuns e integração dos esforços sustentados de todos os setores  da  sociedade  e participação  ativa  dos cidadãos.

A gestão e organização do Plano são responsabilidade da Unidade de Saúde Pública do Agrupamento de Centros de Saúde Oeste Norte. Os Municípios de Alcobaça, Bombarral, Caldas da Rainha, Nazaré, Óbidos e Peniche e os serviços de saúde da Região Oeste Norte assinaram um compromisso público para o desenvolvimento do Plano Local de Saúde.