Desporto

Polakow é o primeiro windsurfer a enfrentar as ondas gigantes da Nazaré

A maior onda do mundo acaba de ser conquistada, pela primeira vez, por um atleta de Windsurf – vertente Funboard. O australiano Jason Polakow fez, esta terça-feira, história ao surfar as montanhas de água da Praia do Norte, na Nazaré.

“Tenho surfado ondas grandes em todo o mundo mas as da Nazaré foram as mais desafiantes”, declarou o atleta, descrevendo, em seguida, o momento vivido enquanto estava no mar: “as ondas vinham de ângulos diferentes, ao mesmo tempo, o que torna a avaliação extremamente difícil, e a segurança também”.

A segurança dentro de água foi uma das principais preocupações de Polakow que se rodeou de dois experientes surfistas das ondas da praia do Norte, Hugo Vau e Andrew Cotton.

“Foi um bom começo na Nazaré. Realizei uma sessão de windsurf difícil, mas excitante. Foi, com certeza, um ponto alto na minha carreira”.

Polakow tinha Jaws, na Austrália, como a referência do windsurf de ondas gigantes, mas “a Nazaré tem certamente um lugar quando falamos de produzir as maiores ondas do planeta. O meu objetivo é voltar cá com um swell gigante. Estou convicto de que podemos bater esse recorde do mundo mesmo aqui na Praia do Norte, numa próxima oportunidade.”

“A Nazaré é um spot único”, diz o windsurfer de ondas gigantes, por duas vezes Campeão do Mundo de Prancha à Vela, que encontrou um novo desafio: surfar os 13 metros (43 pés) desta desafiante localização da costa atlântica.

Jason Polakow, de 44 anos, preparou esta aventura durante um ano, estudando e observando o spot português, reunindo finalmente as condições ideais – com destaque para a equipa de segurança – para avançar para uma das maiores ondas do planeta.

@JasonPolakow
@jasonpolakow
#PolakowAtNazare