Política

Proposta de Classificação do Culto a N. S. da Nazaré a Património da UNESCO entregue no Vaticano

Um grupo de peregrinos da Nazaré, composto pelo padre Paolo Lagatta, Reitor do Santuário de Nossa Senhora da Nazaré, o Presidente da Câmara da Nazaré, Walter Chicharro, o Presidente da Confraria de Nossa Senhora da Nazaré, Nuno Batalha, entre outros membros da Paróquia de Nossa Senhora das Areias da Pederneira, vai ser recebido pelo Santo Padre, Papa Francisco, na próxima quarta-feira, 14 de novembro, durante a Audiência Geral que se realizará no Vaticano.
 
Após a Bênção Apostólica a todos os presentes, será entregue ao Papa Francisco a pretensão de candidatar o Culto e a Devoção ao Milagre da Nossa Senhora da Nazaré a Património Cultural Imaterial da Humanidade, da UNESCO.

A proposta de classificação é uma iniciativa do Presidente da Autarquia, e está em preparação há alguns meses, surgindo, agora, a oportunidade de a divulgar.
 
Fortalecer a história milenar de construção de uma fé e de um lugar, uma história e uma fé feita de peregrinações que preenchem séculos e cimentam a nossa identidade Cristã; e promover a salvaguarda de uma importante herança comum e universal, para que não se perca e seja garantida a sua continuidade, através dos caminhos da fé, são os objetivos desta candidatura.
 
O grupo pretende obter de Sua Santidade, o Papa Francisco, a Bênção Explícita e Pública a esta pretensão da comunidade da Nazaré e de todos os demais devotos de Nossa Senhora da Nazaré, em Portugal e no Mundo.
 
Para além da carta de candidatura a Património da Humanidade, serão levadas três imagens de Nossa Senhora da Nazaré para a sua bênção, uma das quais de oferta da Câmara Municipal ao Santo Padre.