Atualidade

Secretária de Estado do Turismo na Nazaré para conhecer os planos para desenvolver o setor

A Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, deslocou-se, hoje, à Câmara da Nazaré para conhecer o Plano de Turismo local para os próximos 4 anos.

Numa altura em que a atividade turística continua a crescer em Portugal, Rita Marques aproveitou para conhecer as áreas onde o turismo está a inovar e que podem potenciar a atividade no concelho, e em Portugal.

“O Turismo tem crescido de forma sustentada, e importa entrar numa nova Era, puxando pela coesão territorial, garantindo que os turistas possam conhecer Portugal. A Nazaré tem potencialidades relevantes, tais como o turismo de praia/sol, religioso ou o surf e o meu objetivo foi conhecer e identificar projetos concretos que possam alavancar ainda mais a notoriedade local no contexto internacional”.

Dos 84 projetos apresentados pelo Presidente de Câmara, Walter Chicharro, Rita Marques comprometeu-se a estudar cada um para “verificar de que forma se poderão materializar”.

Walter Chicharro aproveitou a presença da Secretária de Estado para apresentar o Plano de Turismo da Nazaré 2020-2024 “discutir as opções, e fazer uma aproximação do poder local à administração central sobre o futuro de um setor que é primordial para o futuro do país, e do concelho da Nazaré”. 

O processo de candidatura do Culto de N.S. Nazaré a património imaterial da Humanidade e os contactos já efetuados com o governo do Pará Brasil foi um dos apresentados com maior detalhe ao governante como sendo um dos que irá potenciar esta área.

O processo foi, recentemente, apresentado aos governantes do Estado do Pará para que a candidatura à UNESCO possa ser feita em conjunto “garantido que o culto, um dos mais antigos e com presença nos 4 cantos do mundo, com enorme devoção, se possa posicionar como mais um meio de afirmação local, e impactos esperados a nível global”. 

Sobre a reação obtida este projeto para o desenvolvimento do turismo religioso, o autarca declarou que “a Secretária de Estado Estado partilha o nosso entusiasmo nesta candidatura”.

Foram ainda apresentados “os números que fazem da Nazaré uma marca global”, com o crescimento do número de turistas e de nacionalidades registadas nos últimos anos, tanto pelos equipamentos municipais como pelos empresários deste setor,  bem como as ações que resultam do esforço conjugado entre o poder local e a administração central que obtiveram, e irão gerar, retorno para a economia do país, tais como a campanha realizada pelo Turismo de Portugal em Nova Iorque, na movimentada Times Square, com recurso à imagem da onda da Nazaré em tamanho real, e os projetos em curso de requalificação do Património, como a Igreja de S. Gião, ou os que estão em elaboração, para o Forte de S. Miguel Arcanjo, edifício internacionalizado após a projeção carimbada pelo surf de ondas gigantes.